O Chamado do Cuco


Autor: Robert Gailbraith 
Editora: Rocco
Páginas: 447 páginas

Sinopse: Quando uma modelo problemática cai para a morte de uma varanda coberta de neve, presume-se que ela tenha cometido suicídio. No entanto, seu irmão tem suas dúvidas e decide chamar o detetive particular Cormoram Strike para investigar o caso.

Resenha:

Era uma noite gelada do inverno Londrino quando um crime deixa toda uma cidade atônita: A modelo Lula Landry havia cometido suicídio, se jogando da sacada do seu apartamento. Lula, que também era chamada de Cuckoo por seus amigos, era uma garota negra, adotada por uma família branca, para preencher o vazio deixado por um filho que havia morrido ainda criança. Cuckoo cresce tendo pais e um irmão e uma situação financeira abastada. Quando na adolescência, Lula se desestabiliza e se envolve com drogas e para melhorar, se vê em um relacionamento conturbado com o também modelo Duffield. ****

“ Um grupo de jovens trouxera flores e foi filmado entregando-as a policiais, que ainda não haviam decidico onde colocá-lo e as dispuseram, constrangidos, na traseira do furgão da polícia, cientes de que as lentes das câmeras acompanhavam cada um de seus movimentos.”

Três meses após os acontecimentos, John Bristow, irmão de Lula, decide procurar ajuda para esclarecer sua duvida, nunca acreditara que sua irmã tivesse tirado a própria vida. Acreditava também que se as coisas fossem esclarecidas, sua mãe, que estava até então desistindo de lutar contra um câncer, se reanimasse e voltasse aos seus tratamentos.

É quando Cormoran Strike entra em cena, um detetive particular de vida desgastada, filho de uma groupie com o rockstar Jonny Rokeby. Endividado e sem lugar para morar, Strike decide aceitar o trabalho e conta com a ajuda de Robin, sua nova secretária temporária.

“Strike uma vez tentou contar o numero de escolas de que foi aluno na juventude e chegou a 17, com a desconfiança de que tinha esquecido algumas. Não incluiu o breve período de suposto ensino domiciliar que ocorreu nos dois meses em que morou com a mãe e a meia-irmã num imóvel ocupado na Atlantic Road em Brixton.”


Assim, Cormoran entra em uma trama de histórias paralelas que envolvem desde os subúrbios de Londres até o mundo do glamour e da moda, tento que estar em contado com tudo o que ele sempre quis distancia, a fama e tudo o que ela trazia de ruim quando vindo precocemente para uma adolescente despreparada.


Sendo o primeiro romance policial publicado por J.K. Rowling, mesmo estando com o pseudônimo de Robert Galbraith, quando pegamos o livro, tendemos a pensar em Harry Potter e em uma escrita voltada para o público jovem. Mas é surpreendente a forma com que Rowling é uma pessoa e Galbraith é outra. O fato de ser uma leitura simples, amacia os temas abordados como uso de droga, preconceito e assassinato.

Vários suspeitos são colocados a lista pouco a pouco, o namorado problema, a vizinha bisbilhoteira, a moça pobre que ela ajuda e até o melhor amigo e estilista em qual ela confiava cem por cento, o que deixa o final um pouco mais surpreendente.

Ano passado, a autora lançou a continuação chamado “O Bicho-da-Seda” e a ansiedade pra ver Strike e Robin desenrolando mais um caso é bem grande.
E aí? Já leram “O Chamado do Cuco”? O que acharam?
Beijos e Boa Leitura! ;)



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem-vindos ao Mundo Mágico dos Livros!